85-blog

Meu intercâmbio na Argentina, por Bárbara Lima

  |  Postado por: AIESECo do Blog 16 de dezembro de 2015

A Bárbara Lima fez Intercâmbio pela AIESEC para Mendoza, Argentina. Ela sempre desejou fazer um intercâmbio e realizar trabalhos voluntários e quando entrou na faculdade viu a grande oportunidade de realizar  o seu sonho. Veja o que a Bárbara contou  sobre o seu intercâmbio e as experiências únicas que ela teve lá:

“Para mim, o cômodo e seguro nunca foram agradáveis, pois desde pequena sempre tive e fui estimulada a ter um espírito sedento por desafios. Com treze anos, fiz uma lista de todas as coisas que eu queria fazer antes dos 30 anos. Dentre elas, estava lá: “fazer um intercâmbio” e “fazer trabalhos voluntários”.

Então, quando entrei na faculdade, encontrei a oportunidade grandiosa de unir o útil ao agradável: fazer um intercâmbio e, ao mesmo tempo, ser voluntária. A AIESEC estava lá para me realizar como um ser humano cheio de sonhos e eu não poderia deixar isso passar.

Mendoza, na Argentina, foi o lugar escolhido. Minha primeira vez fora do país, minha primeira viagem sozinha por um período de tempo maior, meu primeiro sentimento de querer abraçar o mundo, literalmente.

Durante seis semanas, me permiti vivenciar e sentir muitas coisas das quais eu nunca pensei que pudessem ser possíveis, tais como sair sem rumo, quebrar totalmente estereótipos antigos sobre pessoas e lugares, conversar sobre nada, ver a História manifestada, carregar o meu país inteiro comigo para outras nações. Mas, o melhor de tudo, foi o trabalho voluntário. Com ele, pude valorizar as coisas mais importantes da vida, sem dúvida.

Me desafiei tanto a ponto de ter que trabalhar com crianças, nunca tinha feito isso na vida. Estava carregada de receios, medos e dúvidas. No final das contas, foi a melhor coisa que eu poderia ter feito, porque a AIESEC me proporcionou um engrandecimento não só pessoal, mas de alma, de humanidade, de empatia. Ver a simplicidade e o carinho de seres pequeninos que você nunca viu na sua vida, e que estarão com você em um período muito curto de tempo, é totalmente envolvente! Eles se permitiram me receber, com toda a minha bagagem cultural e pessoal, e eu fui cativada por cada um. Formamos laços que serão eternos, e cada um deles faz parte do meu novo eu.

Viver essa experiência foi a melhor forma de me encontrar, me fez mais humilde ao sair da minha bolha e ver que o mundo é muito maior e mais intenso do que eu imaginava, e me provou que eu posso ir muito mais longe do que eu pensava poder. Acima de tudo, me tornei uma Cidadã Global, o que me faz sair do meu lugar comum e me deixar mais segura do que permanecer onde eu estava, porque viajar é ser outro a cada dia!

 

 

 

 

Leia também:

Viajar e fazer a diferença
Tô pobre e quero viajar. Como faz?
Você realmente se importa com o mundo que vive?
Categoria: Cidadão Global

Deixe um comentário

*



Somos a maior organização de estudantes do planeta, reconhecida pela Unesco. A AIESEC é uma rede global formada por jovens universitários e recém-graduados, que, por meio do trabalho dentro da organização e de intercâmbios profissionais, estimula a descoberta e o desenvolvimento do potencial de liderança de seus membros.