post

Habilidades que a AIESEC te dá e a faculdade não ensina

  |  Postado por: AIESECo do Blog 21 de abril de 2017

As universidades ensinam muito sobre habilidades e teorias, mas quando se trata de ser capaz de implementar as aprendizagens na prática, muitos jovens acham difícil. Isso também tem sido notado por muitos empregadores que dizem que os jovens estão perdendo as habilidades e competências necessárias em um ambiente profissional. É importante que os jovens saibam como gerenciar o tempo corretamente, se comunicar efetivamente em diferentes ambientes e possam enfrentar desafios quando confrontados. Mas, se as universidades não estão equipando os jovens com essas habilidades, eles precisam procurar em outro lugar para a experiência.

 

“Faltam aquelas competências que os americanos chamam de “soft skills”, como comunicar-se bem, avaliar o que cada um é capaz, montar e motivar uma equipe, além de uma série de outras coisas que levam à uma performance melhor”, diz Armando Dal Colletto, diretor acadêmico da Business School São Paulo.

 

Na AIESEC, percebemos a necessidade de melhores líderes no mundo e acreditamos que a liderança pode ser desenvolvida em qualquer pessoa. O modelo de desenvolvimento de liderança da AIESEC procura preparar a juventude para tomar uma posição sobre o que eles se preocupam e tornar-se capaz de fazer a diferença através de suas ações cotidianas. Acreditamos que, ao equipar os jovens com essas habilidades de liderança, eles estarão mais preparados para o futuro.

 

Todos os nossos produtos desenvolvem quatro pilares de liderança que estão relacionados às tendências mundiais atuais. Essas qualidades são self aware, world citizen, empowering others e solution oriented. Abaixo você pode ler como esses pilares de liderança são relevantes profissionalmente para os jovens.

 

     Self Aware

 

A diminuição da necessidade de líderes formais trouxe a necessidade de mais líderes conscientes. Um líder auto-consciente sabe em que ele é bom, o que é importante, sobre o que ele é apaixonado. Quando os jovens se conhecem, eles são capazes de tomar melhores decisões para suas carreiras também. Os jovens de hoje querem trabalhar para uma empresa que compartilha os mesmos valores que eles e que faz algo de bom para o mundo. Estar ciente de seus próprios valores e paixões os ajuda a escolher este tipo de organização e isso aumenta a retenção de funcionários. Além disso, um líder auto-consciente se concentra em suas forças sobre as fraquezas, tornando-os mais prontos para assumir novos desafios no trabalho, não deixando suas fraquezas retardá-los.

 

 World Citizen

 

Com a globalização, o mundo dos negócios tem cada vez menos fronteiras. No entanto, a globalização também trouxe uma nacionalização crescente em muitos países. É por isso que ser um cidadão do mundo é uma habilidade cada vez mais importante para se ter na vida profissional. Estar interessado nas questões do mundo, e especialmente assumir a responsabilidade de melhorar o mundo são essenciais para fazer negócios em um mundo globalizado. A AIESEC dá aos jovens a oportunidade de se desafiarem em outro país e entender que os problemas do mundo não se limitam a territórios. Eles são capazes de aprender sobre as pessoas e a cultura daquele país, tornando-os mais equipados para trabalhar com pessoas de diferentes origens. Isso não se aplica apenas a um local de trabalho internacional, mas a qualquer trabalho onde haja necessidade de trabalho em equipe e interagir com outras pessoas.

 

 Empowering Others

 

A qualidade de capacitar os outros é necessária para navegar no complexo e interconectado mundo moderno. Habilidades de comunicação são vitais para qualquer trabalho, já que as pessoas precisam ser capazes de se comunicar efetivamente em diversos ambientes para mostrar seus pontos de vista e opiniões de forma clara e evitar quaisquer chances de mal-entendidos. Também é importante que os jovens saibam como colaborar com outras pessoas para alcançar um propósito maior, por isso é um fator muito procurado pelas empresas jovens que saibam liderar e gerir um time. Por último, ao desenvolver a habilidade de capacitar os outros, os jovens poderão contribuir para o desenvolvimento pessoal dos outros e capacitá-los a agir. Isso significa que eles podem capacitar seus colegas de trabalho para alcançar maior e desafiar-se.

 

Solution Oriented

 

O ritmo acelerado do mundo moderno também o torna um lugar mais incerto, e os jovens precisam estar preparados para a mudança. Em vez de congelarem diante de um desafio, os devem mostrar flexibilidade e uma mente rápida para solucionar qualquer problema que surja. A incerteza de mudanças constantes pode parecer assustadora, mas ao permanecer positivo, um líder pode dirigir sua equipe para frente, apesar da incerteza que eles podem enfrentar. Isso exige a disposição para assumir riscos quando são necessários. Esta qualidade é muito importante em um ambiente de trabalho, como você nunca pode saber quais mudanças podem acontecer no dia seguinte, econômica ou politicamente. Um líder orientado para a solução não permite que falhas o atrapalhe, e sim uma oportunidade de levantar e continuar a lutar para o que está buscando.

 

Acreditamos que se desenvolvermos essas quatro habilidades em jovens, isso os tornará prontos para enfrentar os desafios do mundo. Eles também serão capazes de transformar as teorias e conhecimentos que aprenderam na universidade em prática.

 

Deseja passar por um estado de desenvolvimento como esses? Clique aqui!

Leia também:

Saiba o que mais marcou a vida dos participantes do " 3 visões de mundo"
10 posts mais lidos no Blog da AIESEC
Curiosidades sobre um país sem exército
Categoria: AIESEC, Empreendedorismo, Trends

Deixe um comentário

*



Somos a maior organização de estudantes do planeta, reconhecida pela Unesco. A AIESEC é uma rede global formada por jovens universitários e recém-graduados, que, por meio do trabalho dentro da organização e de intercâmbios profissionais, estimula a descoberta e o desenvolvimento do potencial de liderança de seus membros.